Terminou mais uma conferência em Alvalade. Bruno de Carvalho reagiu no Facebook

Terminou mais uma conferência em Alvalade. Bruno de Carvalho reagiu no Facebook

O líder dos leões foi suspenso de funções, bem como todo o seu conselho diretivo, pela comissão de fiscalização nomeada pelo presidente da Assembleia Geral do Sporting, Jaime Marta Soares.

15:27: Bruno de Carvalho, que não esteve presente na conferência de imprensa já reagiu no Facebook. O presidente do Sporting apela que todos os sócios marquem presença na Assmbleia Geral marcada para dia 17.

14h58: Terminou a conferência de imprensa

14h57: Resposta à última pergunta. Novamente, Trindade Barros demitiu-se: “O que se pretende com os novos estatutos é evitar futuros problemas como os anterior.  Que fique claro que são os sócios a tomar decisões.”

14h54: Trindade Barros: “Dizer-se que o tribunal legitimou o comendador Jaime Marta Soares, isso é mentira.  O ex-presidente da mesa da assembleia foi o próprio a dizer à Lusa que foi legitimado. Mas isso é falso e todos vocês difundiram”.

14h50: “As notícias do Sporting nas últimas semanas é numa versão unívoca contra o atual conselho diretivo. Os sócios diretivos e vou tentar tranquilizar. A anterior mesa demitiu-se, certo? Pergunta-se agora: convocam eleições para os substituir? Não. Mas fizeram-no para demitir o conselho diretivo. Isto não é processo disciplinar, é um processo normal. O tribunal indefere o requerimento e a comunicação social tornou esta ‘derrota uma ‘vitória’. Estão a dizer um disparate. Contra ou a favor de BdC, os sócios têm de votar uma nova mesa da assembleia. Se estão realmente focados nisso, entregam um requerimento. Isto é tão fácil de entender e essa mesa que se demitiu não fez. Demitiu-se, mas agora não se demitiu muito bem. Não estou contra nenhum sócio mas isto parece um problema mental. A mesa da AG demitiu-se”, simplificou Trindade Barros.

14h48: “Isto nunca devia ter começado. Este problema foi levantado pelo ex-presidente da MAG [Jaime Marta Soares]. Não é um presidente demissionário e a assembleia de dia 17 vai resolver tudo para segunda-feira se começar a trabalhar mais e normalmente, como mandam os estatutos”, exclamou Elsa Judas.

14h47: “Espero que, havendo uma resposta clara dos sócios, as deliberações tomadas não sejam impugnadas por quem pede que lhes seja dada a palavra. Só me passa pela cabeça que as decisões têm de ser respeitadas, em particular por quem fez bandeira que quem tem a última palavra são os sócios”, anunciou Elsa Judas.

14h45: Bruno de Carvalho ainda está nas instalações do Sporting? Pode frequentá-las hoje? Fernando Correia respondeu: “Presidente do CD do Sporting pode vir quando entender. Não veio hoje, pode vir quando quiser”.

14h44: Trindade Barros: “Os sócios têm direito à sua opinião, mas também tenho a minha, e fundamento-a na lei. É o Supremo Tribunal de Justiça que diz que é o CD que pede à AG para fazer as convocatórias.”

14h38: Estamos a quatro dias da AG convocada pela comissão transitória, mas a de fiscalização diz que o que se decidir daí não é legal. “A AG de dia 17 vai-se realizar, os sócios têm de ser representados por essa mesma assembleia para dizer de sua justiça. Nenhum de nós, nem CD, nem ninguém. Os sócios tomam a decisão sobre esta gestão. Os sócios deliberam e aí legitima-se as decisões”, respondeu Elsa Judas.

14h34:  Bruno de Carvalho pode estar nas instalações do Sporting?  Há medo? E o seu conselho diretivo? Estão aqui os vice-presidentes. Elsa Judas respondeu: “A polícia não pode chegar aqui e retirar o presidente do conselho diretivo. Quem disse isso adiantou-se a muitos tribunais e juízes. O que o dr. Bruno de Carvalho fez é basicamente deixar as pessoas mais aptas virem falar desta situação. Acha que Bruno de Carvalho tem medo? Não, ele não tem medo. Não dou garantia que ele pode continuar pois não posso usurpar o que os tribunais possam vir a decidir.”

14h28: “Esta comissão de fiscalização é um grupo de sócios. Só cessa o conselho diretivo com pedido de novas eleições ou a implementação de uma comissão de gestão transitória que só surge numa cessação imediata do mandato. Imagine que fico chateado com o primeiro-ministro e mando-lhe uma carta a dizer ‘estás demitido’. Estou livre de o fazer. Mas demiti-lo apenas após fazer essa notificação não faz sentido nenhum”, disse Trindade Barros. Elsa Tiago Judas ainda acrescentou: “Foi decretada a suspensão do presidente do conselho diretivo e é preciso dez dias para o defender. Há que pensar nas coisas [faltam menos dias para a Assembleia Geral]”

14h26: Esclarecimentos e perguntas aos jornalistas

14h25: “Nem é preciso muitos votos, bastam mil. Têm que obedecer aos regulamentos. O presidente do CD até se comprometeu, em dez dias, fazer uma AG destitutiva se esse requerimento chegasse. Só que esse requerimento nunca chegou. Desde o primeiro dia que a MAG está focada num só objetivo, a destituição do CD, que tinha há pouco tempo sido legitimado por uma esmagadora maioria.”

14h23: “Vem a Mesa demissionária, que já tinha sido destituída, intentar uma providência cautelar para tentar que o poder judicial lhe desse razão. O Tribunal indeferiu. É a única interpretação possível. Como é que alguém tenta transformar essa derrota numa vitória? Não tem pés nem cabeça. Querem destituí-lo? O presidente do CD está disponível desde que os sócios entreguem o requerimento”.

14h21: “Face à derrota do novo presidente da AG, o demissionário pensou… porque é feriado e tal, está tudo nos santos populares, na sardinha… criar uma comissão de fiscalização para tomar isto de assalto. Nada disto parece-me bem. Querem destituir o presidente do conselho diretivo? A comissão transitória não vai defender os seus interesses. Isso cabe aos sócios para o destituir [Bruno de Carvalho]”.

14h20: “De acordo com os estatutos, há uma assembleia para os sócios escolherem a nova mesa da Assembleia Geral”, reforçou e ainda: “A nossa principal preocupação é a defesa dos interesses do Sporting, sob respeito dos estatutos”.

14h18: “Como a MAG demissionária, não podia dar seguimento aos estatutos. Restou ao CD a segunda situação prevista nos estatutos, que é a nomeação de uma comissão transitória, o que foi feito. O primeiro ato foi dar a palavra aos sócios, para escolherem qual a mesa que elegem. Mais claro que isto é difícil.”, explicou Trindade Barros.

14h15: “A nossa principal preocupação é a defesa dos interesses do Sporting, sabendo que cabe aos sócios tomar todas as decisões. A 17 de maio, o presidente da MAG anunciou publicamente a sua demissão, assim como de todos os membros. De forma clara e inequívoca. Este anúncio produz efeitos jurídicos. Ele está obrigado a continuar a exercer as funções até que seja substituído. Não é um direito, é uma obrigação, que serve os direitos do Sporting, ou seja, dos sócios. O que cabia fazer era garantir a gestão corrente e convocar eleições para a sua sucessão. Só que a mesa demissionária não estava focada no normal funcionamento do Sporting, mas sim na demissão do Conselho Diretivo. A crise era tão mais complicado que o próprio conselho fiscal também se demitiu.”

14h14: Elsa Tiago Judas passa a palavra a Trindade Barros.

14h11: “O sócios vão e querem falar. O que se pretende não é dar voz aos sócios. Quem manda no Sporting são os sócios, não é o CD nem os órgãos sociais. Quem manda é a AG, ou seja, os sócios. É a eles que tem que ser dada a última palavra. O que hoje foi refletido claramente é que o ex-presidente da MAG percebeu algumas coisas. Percebeu que Bruno de Carvalho e o CD tem feito um excelente trabalho, cada vez mais reconhecido. Percebemos que não interesse em eleições, já se percebeu que se Bruno de Carvalho e o CD forem a eleições, ganham..”

14h10: “A Assembleia de dia 23, a realizar-se não destitui o Presidente Bruno de Carvalho”, Elsa Judas.

14h09:  “As AGs de dia 17 e de dia 21, não há decisão judicial que diga que são ilegais. Ponham os títulos que quiserem. Há uma questão evidente, o ex-presidente da MAG percebeu que a de dia 23 está ferida de ilegalidades do início ao fim. Pode realizá-la, mas no dia a seguir as decisões serão inválidas. A AG de dia 23, a realizar-se, nunca destituiria este Conselho Diretivo. Tanto que os pressupostos não foram realizados, sabe-se que nunca seria destituído. Percebeu-se que não se pode dar a voz aos sócios na AG de dia 17. Não interessa dar a voz aos sócios. Sejam quais forem os órgãos, a última palavra de validação cabe aos sócios em plenário. Os sócios têm que falar e vão falar no dia 17. Tudo isto está na base deste comunicado da putativa Comissão, que visa abrir um processo disciplinar por queixas. A única coisa que havia a fazer para afastar este presidente era suspendê-lo no âmbito de um processo disciplinar. Esta Comissão que hoje falou, não só é ilegítima, como também as suas decisões.”

14h08: “Não se está a dar voz aos sócios”, disse Elsa Judas. “Há uma Assembleia Geral eleitoral marcada para dia 17 de junho. Outra Assembleia Geral no dia 23. Não há nenhuma decisão judicial que interfira na realização de assembleias gerais.”

14h06: Elsa Judas, dita como membro da comissão transitória da mesa da assembleia geral do Sporting, vai explicar o processo jurídico que se envolve na situação de Bruno de Carvalho e da presença do seu conselho diretivo no Sporting. Trindade Barros é o outro elemento presente na sala de imprensa do Estádio José Alvalade.

14h05: Fernando Correia: “Essa Comissão de Fiscalização, como já referimos, não se lhe reconhece legitimidade para que exerça funções. Bruno de Carvalho continua a ser sócio do Sporting e presidente do Conselho Diretivo.”

14h04: O presidente do Sporting não está presente. “Hipotética suspensão”, diz Fernando Correia, o porta-voz.

14h02: Bruno de Carvalho foi suspenso e reagiu no Facebook poucos minutos após se tornar público. Saiba AQUI.

14h00: Aguarda-se o início da conferência de imprensa.

[em atualização]


RELACIONADOS

Terminou mais uma conferência em Alvalade. Bruno de Carvalho reagiu no Facebook

O líder dos leões foi suspenso de funções, bem como todo o seu conselho diretivo, pela comissão de fiscalização nomeada pelo presidente da Assembleia Geral do Sporting, Jaime Marta Soares.