Ordenado mínimo na internet

Como ganhar o ORDENADO MÍNIMO na Internet

Este é um texto que lhe explica como ganhar o ordenado mínimo, de forma honesta, utilizando as ferramentas que a internet lhe dá. Este é um texto que lhe explica como pode ganhar dinheiro online.

Este é um texto que não promete milagres, tão pouco promete fortunas. Além disso, é um texto honesto, não vai ser tentado em nenhum negócio de vendas em pirâmide, que por mais aliciante que lhe pareça é proibido por lei e provavelmente só lhe iria trazer desgostos.

Este é um texto que lhe explica como ganhar o ordenado mínimo, de forma honesta, utilizando as ferramentas que a internet lhe dá para o fazer.

Tenho desde já de avisar o leitor que não é simples, e que só uma pequena percentagem o consegue, dessa pequena percentagem apenas alguns conseguem mesmo ganhar dinheiro a sério, do tipo raspadinha que dá 2000 euros mensais durante uma série de anos.

Outra coisa: se pensa que vai ganhar o ordenado mínimo sem ter trabalho, desista já, escusa de ler mais, só vai perder o seu tempo. A sorte dá muito trabalho e na internet não é diferente. Quem mais se dedica é quem mais ganha.

Está pronto? Então vamos lá, ponto a ponto.

Afinal o que é que sabe fazer?

Analise o seu lado criativo, pense bem no que sabe fazer, qual é a sua especialidade. Não venha já dizer que não sabe fazer nada de interessante. Essa é a praia onde ficam as pessoas que não acreditam em si próprias.

Pense bem. Tem de escolher algo que saiba fazer muito bem ou muito mal. Se preferir, pode escolher algo que nunca tenha feito. Nunca se sabe se o talento está escondido e a internet pode bem ser a chave para abrir o seu talento.

Este é o ingrediente fundamental: decidir o que vai fazer na internet. Não tenha medo de falhar, pode sempre começar de novo e, pelo menos aqui, as segundas oportunidades são sempre permitidas.

Já decidiu? Ótimo, seguimos então em frente.

E agora?

Agora que já decidiu, são necessários os seguintes ingredientes:

  • – Um telemóvel, que faça vídeos e tire fotos
  • – Um corretor ortográfico, encontra facilmente alguns online
  • – Tempo, nem que seja duas horas por dia
  • – Paciência, as coisas não acontecem do dia para a noite

Após reunir todos os ingredientes, está na altura de criar as suas plataformas, os locais onde vai exercer a sua criatividade e o seu trabalho ser visto por milhares de pessoas.

Crie um blogue

Pessoalmente recomendo o blogger.com. É simples, aquilo já vem quase tudo feito, é só escolher o modelo que gosta, escolher o nome e acrescentar alguma informação sobre si e sobre aquilo que vai fazer.

  • Crie um canal de YouTube

  • Também não é complicado. Vem lá tudo explicado, só tem de ter o trabalho de ler e seguir as instruções.

Muito bem. Com mais ou menos esforço estou certo que todos os que tentaram conseguiram abrir o blogue e o YouTube.

Agora está na altura de produzir.

No blogue vai colocar os textos e as fotos que entender, sobre o assunto que escolheu, no YouTube os vídeos que realizar.

Não deve nunca copiar conteúdo de outras pessoas, se o fizer acredite que o resultado não vai ser bonito, tem de ser original.

Treine, se não ficar melhor fica pior, o importante neste momento é começar e criar o hábito de criar conteúdos de forma regular, dentro da sua disponibilidade e vontade sem nunca deixar de gostar do que está a fazer.

Sim, mas afinal como é que eu ganho dinheiro?

É simples. Já reparou certamente que muitos blogues e vídeos do YouTube têm por lá publicidade. As plataformas digitais vivem na maior parte dos casos de publicidade online que é colocada ao lado dos artigos que são escritos e dos vídeos e fotografias que são partilhados.

Como ninguém está disposto a pagar por ler conteúdos online, esta é a forma das publicações poderem pagar as suas contas ao fim do mês.

No caso do blogger.com e do YouTube a plataforma paga aos criadores de conteúdos metade daquilo que cobra a quem escolhe as suas plataformas para fazer publicidade.

Para que faça parte deste universo, em que os conteúdos são remunerados, terá de abrir uma conta de parceiro. Não tem qualquer tipo de custo, basta apenas clicar aqui para aceder aos formulários necessários para associar as suas plataformas ao seu nib.

Se tudo correr bem, se fizer tudo bem feito, o gráfico sempre a subir, que mostra quando vai receber ao fim do mês será suficiente para o animar e dar força para seguir em frente.

Isto não vai acontecer de repente, vai demorar meses ou talvez nunca aconteça, mas ao menos vai poder dizer que tentou, que deu de si.

Não tenha medo de falhar, tenha medo isso sim de nunca ter tentado acertar.

Parece fácil? Não é!

Agora pode dizer que sabe o essencial: produzir conteúdos, utilizar as plataformas e fazer dinheiro com isso. Muito podia ser explicado, com mais detalhe, mas isto é um artigo da impala.pt não é um livro, e não existe nada mais bonito do que a aventura da descoberta do conhecimento.

Agora vem a parte complicada. Como promover o que está a fazer? É que, quanto mais visualizações tiver, maior será o valor que vai receber ao fim do mês, mas para isso terá de ter sucesso.

Escusa de andar a colar os links do que fez nos murais dos seus amigos do Facebook, isso só lhe vai trazer o mesmo destino do que o Titanic e nem direito a icebergue vai ter.

Tenha um método regular para criar conteúdos, não baixe os braços. Ao início é sempre difícil. Abra uma página de Facebook, uma conta de Twitter e outra de Instagram para promover o que faz, seja dinâmico, responda aos comentários de quem critica o seu trabalho para o bem ou para o mal.

Se tiver alguma dúvida, necessitar de algum esclarecimento, posso tentar ajudar. Escreva (rui@pjump.com)  e eu respondo quando puder 😉

RuiLourenco
RuiLourenco
Rui Lourenço | Especialista em comunicação digital
Popular Jump

ÚLTIMOS ARTIGOS

Como ganhar o ORDENADO MÍNIMO na Internet

Este é um texto que lhe explica como ganhar o ordenado mínimo, de forma honesta, utilizando as ferramentas que a internet lhe dá. Este é um texto que lhe explica como pode ganhar dinheiro online.