George Clooney chora depois de palavras da mulher

O ator foi alvo de uma grande homenagem na gala anual da American Film Institute. Mas foi mulher que o levou às lágrimas ao falar em público, pela primeira vez, sobre o casamento e os filhos, os gémeos Ella e Alexander.

George Clooney, de 57 anos de idade, foi homenageado pelo American Film Institute com o prémio carreira pelo seu contributo à sétima arte. Uma noite de emoções fortes para o ator que foi mesmo às lágrimas. E a grande responsável por isso foi a mulher, Amal Clooney.

A advogada subiu ao palco do Dolby Theatre, em Los Angeles, para lhe dedicar algumas palavras. E acabou por deixar toda a plateia emocionada, ao falar em público, pela primeira vez, sobre o casamento e os filhos, os gémeos Ella e Alexander.

«De certa forma, é-me mais fácil apresentar-me em tribunal a representar um recluso, do que falar em público sobre o meu marido, como estou a fazer esta noite pela primeira vez. Faço-o pelo imenso orgulho em tudo o que conquistou. Há algumas coisas que talvez não saibam sobre ele», começou por dizer.

«Meu amor, encontrei contigo o grande amor pelo qual sempre esperei. E ver-te com os nossos filhos é a maior alegria da minha vida»

«Primeiro, é um cavalheiro. Um cavalheiro em todos os sentidos da palavra e de uma forma tão rara nos dias de hoje e, às vezes, até antiquada. Todos os que o conhecem, incluindo os que partilham opiniões políticas diferentes ou que o enfrentaram profissionalmente, dirão que não esqueceu os modos de Kentucky [estado do interior leste dos Estados Unidos, onde nasceu Clooney]. Pelo que me dizem os que o rodeiam, está sempre preocupado com os mais sensíveis», contou.

«Apesar de o George atribuir grande parte do que estamos aqui a celebrar à sorte, eu acredito que foram o seu talento e a sua personalidade incrível que o trouxeram até aqui», continuou.

«Tudo isto também faz dele um marido e um pai incríveis. Conheci o George quando tinha 35 anos e já me tinha resignado à ideia de que ficaria solteira. Conhecemo-nos e começámos a esconder-nos no meu apartamento de Londres e não demorou muito até que eu percebesse que não queria estar com mais ninguém. Não conseguia dormir quando estávamos separados e diziam-me que tinha um sorriso diferente quando lia uma mensagem dele ou os bilhetes que deixava nos meus bolsos. Cinco anos depois, nada disso mudou», partilhou.

«Ele é a pessoa que tem a minha total admiração e também a pessoa cujo sorriso me deixa sempre encantada. Meu amor, encontrei contigo o grande amor pelo qual sempre esperei. E ver-te com os nossos filhos, Ella e Alexander, é a maior alegria da minha vida. Enches a nossa casa de sorrisos e felicidade», afirmou.

«Tenho tanto orgulho em ti meu amor. Parabéns por esta grande homenagem que recebes esta noite. Sei que quando os nossos filhos descobrirem tudo o que fizeste, mas também tudo o que és, sentirão um orgulho imenso», concluiu.

Fotos: Reuters


RELACIONADOS

George Clooney chora depois de palavras da mulher

O ator foi alvo de uma grande homenagem na gala anual da American Film Institute. Mas foi mulher que o levou às lágrimas ao falar em público, pela primeira vez, sobre o casamento e os filhos, os gémeos Ella e Alexander.