Estado britânico relança privatização do Royal Bank of Scotland

Estado britânico relança privatização do Royal Bank of Scotland

O Estado britânico anunciou hoje que vai vender uma parte da sua participação no Royal Bank of Scotland (RBS), relançando o processo de privatização do grupo bancário.

Londres, 04 jun (Lusa) – O Estado britânico anunciou hoje que vai vender uma parte da sua participação no Royal Bank of Scotland (RBS), relançando o processo de privatização do grupo bancário.


Com a cedência de 7,7% do RBS, o Estado vai reduzir a sua participação para 62,4% do capital do banco, tendo assumido o controlo desta instituição após a crise financeira de 2008, anunciou em comunicado o UK Government Investments Limited, a entidade que gere as participações estatais britânicas.


Segundo o comunicado, o Estado quer vender cerca de 925 milhões de ações por um montante que não foi revelado, numa transação prevista para 07 de junho.


De acordo com o valor do RBS na bolsa de Londres, a venda pode representar cerca de 2,6 mil milhões de libras para os cofres públicos (3 mil milhões de euros).


O resgate do RBS custou 45 mil milhões de libras ao Estado britânico no final da década passada.


O Governo já tinha anunciado que queria relançar a privatização do RBS durante a apresentação do orçamento, em novembro passado.



EO // CSJ

By Impala News / Lusa


RELACIONADOS

Estado britânico relança privatização do Royal Bank of Scotland

O Estado britânico anunciou hoje que vai vender uma parte da sua participação no Royal Bank of Scotland (RBS), relançando o processo de privatização do grupo bancário.